skip to Main Content

Bebê de 6 semanas pode ser a mais jovem vitima coronavírus nos EUA

Bebê De 6 Semanas Pode Ser A Mais Jovem Vitima Coronavírus Nos EUA
Publicidade

 

Outros 429 moradores foram diagnosticados com COVID-19 e mais 16 mortes foram relatadas em Connecticut, nos Estados Unidos durante o período mais recente de 24 horas, continuando a tendência prevista enquanto o estado se prepara para o pico de infecções em abril, anunciou o governador Ned Lamont nesta Quarta-feira.

Um bebê, que foi diagnosticado com Coronavírus durante a autópsia, e está entre as mais recentes mortes e, possivelmente, a morte mais jovem relacionada ao coronavírus do mundo. Mas James Gill, o médico legista principal, disse que a causa real da morte ainda não foi estabelecida.

“O bebê teve um resultado positivo para o vírus COVID-19 e uma autópsia foi feita no consultório do médico legista”, disse Gill em um email. “No momento, não emitimos uma causa final de morte. Existem vários testes que devemos fazer em mortes infantis antes de emitir uma causa final de morte. Não podemos discutir os detalhes de uma investigação.

Veja Mais:

Publicidade
Publicidade

O governador Lamont, disse que fez uma visita a um hospital de campo com mais de 200 leitos, instalados em apenas algumas horas.
pela Guarda Nacional de Connecticut. Ele disse que o bebê de seis semanas de Hartford, foi levado sem resposta a um hospital no final da semana passada e não pôde ser rressucitado. Lamont disse que os testes confirmaram na noite de terça-feira que a criança era COVID-19-positiva.

Voltando às 16 mortes consecutivas ao longo de dois dias, o governador disse que os testes continuam a “aumentar” em todo o estado, e as autoridades estaduais entraram em contato com uma empresa que faz um teste COVID-19 de 15 minutos.

No geral, 3.557 pessoas em Connecticut foram confirmadas como positivas para COVID-19, e esse número deve aumentar bastante nas próximas semanas. Oitenta e cinco morreram.

Publicidade