skip to Main Content

Mãe conta como uma picada de Mosquito comum quase matou seu filho de 6 anos

Mãe Conta Como Uma Picada De Mosquito Comum Quase Matou Seu Filho De 6 Anos
Publicidade

 

Esta mãe compartilhou em suas redes sociais para que todos saibam o que ela passou com seu filho de 6 anos, após ser picado por um mosquito comum.

A mãe Loriann Surret de Carolina do Norte, nos Estados Unidos, fez um alerta aos pais para que tomem cuidado com picadas de insetos, depois que seu filho de 6 anos quase morreu.

LoriAnn Surrett compartilhou um post no Facebook descrevendo o rápido declínio que Noah experimentou depois de ter sido picado na semana passada.

LoriAnn escreveu em seu post que a família estava a caminho da casa da sogra quando Noah, de seis anos, começou a chorar e reclamar de dor de cabeça.”Dei alguns remédios para dor em crianças e ele parecia bem depois de alguns minutos”, escreveu ela.

Publicidade

Os três filhos mais velhos imploraram para ficar com os avós durante a noite, então os Surretts saíram com os dois filhos mais novos.

Na manhã seguinte, LoriAnn ligou para a sogra para verificar as crianças. Ela disse que eles estavam bem, mas Noah ainda estava reclamando de dor de cabeça.

“Eu estava na mercearia e recebo o telefonema mais assustador da minha vida”, escreveu LoriAnn, sobre o telefonema que ela recebeu da sogra logo depois para dizer que Noah não estava respondendo.

“Ela disse ‘estou ligando para o 911, chegue aqui agora’ e desligou”, escreveu LoriAnn.
“Os lábios de Noah eram azuis”
A família Surrett chegou lá o mais rápido que pôde e, quando chegaram, os serviços de emergência estavam atendendo ao corpo flácido de Noah.

Publicidade

“Os lábios de Noah eram azuis, olhos fixos olhando para cima e estavam completamente moles, ele teve uma convulsão”, escreveu LoriAnn.

Noah tinha uma temperatura de 102,3 (39 graus Celsius) e sofreu duas convulsões na ambulância a caminho do hospital.

Uma vez no hospital, eles fizeram exames de sangue, realizaram uma tomografia computadorizada e uma punção lombar, fizeram testes de urina e radiografia de tórax.

Os resultados da medula espinhal mostraram que Noah tem encefalite por La Crosse (LACV), um vírus causado por picadas de mosquito. O vírus causa a acumulação de líquidos ao redor do cérebro e pode causar sintomas como febre, dor de cabeça, náusea, vômito e cansaço.A encefalite de La Crosse também pode causar convulsões, coma e paralisia em casos graves e até resultar em morte.

Noah melhorou desde o post original de LoriAnn, e embora ele ainda não tenha voltado a si mesmo, ele está acordando por curtos períodos de tempo.”Ele dorme 99% do tempo e responde apenas algumas vezes ao dia, principalmente quando os analgésicos estão acabando e ele se sente desconfortável”, escreveu LoriAnn em uma atualização.

Embora a encefalite de La Crosse não seja algo com que os brasileiros devam se preocupar, é sempre uma boa idéia evitar as picadas de carrapatos e insetos, sempre que possível.

LoriAnn terminou seu post apontando que esse tipo de coisa realmente pode acontecer com qualquer pessoa: “Sou mãe de cinco meninos e acredito firmemente no repelente de insetos e tudo isso para manter os insetos longe e isso ainda aconteceu com meu menininho. . “

Publicidade